Páginas

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Contradição do tempo

É interessante como paramos para observar o tempo encontramos contradição nele e a forma como ele agi e faz acontecer certos momentos na nossa vida. Se olhamos com os olhos atentos iremos consigui observar os pequenos detalhes que ele que nos mostrar, mas algumas vezes estamos tao cansados ou desiludidos que nao percebemos esses pequenos sinais e deixamos passa diante de nossos olhos isso continua acontecer novamente e outra vez e muitas outras.
Temos tanto medo de perceber algo pensar que algo esta acontecendo que acabamos nem ao menos tentar esse medo controla a maioria de nossas ações na maior parte de nossas vidas, ou aprendemos a controla ou ela ira nos controlar.
É nesses momentos que vem a contradição do tempo, por que nao estamos preparados para tais momentos que acontece, ou talvez estejamos mais nao queremos concorda com isso. Só o que nos sobra é o medo e desilução da falta da coragem nesses grandes acontecimentos. Mas na poucas vezes que tentamos e vemos o resultado dele ser positivo consiguimos conquista uma grande vitoria.
Podemos dizer o tempo foi uma mera crianção do homem para tentar dividir suas vitorias, derrotas e ate mesmo sua falta de tentativa.
Mais ao meio disso tudo continuamos a maioria das vezes nessa contradição, mas podemos vence-la so basta tentamos.
Autor: Adônis Luiz Rosenstiel Borges Cavalcanti
Codinome criado agora: Lobo branco

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

O grande mestre e o pequeno aprendiz


-Aprendiz: Grande mestre o que é a vida?

-Grande Mestre: A vida? É algo complicado de se explicar meu pequeno aprendiz. O porquê dessa pergunta?

-Aprendiz: Porque parei para pensar um pouco sobre ela e me deparei com essa grande questão, o que é a vida? O que viemos fazer nesse mundo? O Porquê de muitos acabarem sofrendo, e outros saírem impunes de sua maldade? O que nos faz segui em frente, e nos dar força para acreditar em algo?

-Grande Mestre: A pergunta da vida leva a muitas outras perguntas, que nos faz pensar o porque de tudo isso acontecer o deixa de acontecer, mais nem todas possui uma resposta só, existe varias dependo da interpretação de que qualquer um possui, isso leva a outras perguntas e resposta.

-Aprendiz: Então não há uma resposta para o que é a vida?

-Grande Mestre: Existe resposta sim, mas ela não é universal, ela depende de cada de um de nós, porque todos nós possuímos essa resposta só que não a enxergamos.

-Aprendiz: No final fiquei sem uma resposta concreta Grande Mestre. Mais o que é o amor?

-Grande Mestre: O amor? Ele algo belo que nasce no coração das pessoas quando de bem administrado, mais sem não for bem cuidado ele pode acabar causando um grande mal.

-Aprendiz: Qual é o grande mal que ele pode causar Grande Mestre?

-Grande Mestre: Ele pode levar as pessoas a causarem muitas maldades umas com as outras, quando não se entende o quanto ele é belo. As pessoas tendem a encontrar maldade em tudo que é belo, mais também encontras coisas belas dentro da maldade. O entendimento do amor é então complexo como o da vida, nós sentimos ele mais não entendemos o por que dele.

-Aprendiz: Grande Mestre a cada momento e a cada resposta sua, eu fico mais confuso sobre as resposta que procuro. Porque você não me dar uma concreta isso e pronto.

-Grande Mestre: Por que as perguntas que você me perguntou, pois não possui uma resposta real só subjetiva, onde cabe ao próprio entendimento do individuo, e é isso que levam muitos a se perderem por que não entende a própria resposta ou não querem aceita-la.

-Aprendiz: No final de tudo fiquei com a mesma questão, o que é a vida e o amor?

-Grande Mestre: A verdade é que no final todos nós ficaremos com essas perguntas e as resposta, mas iremos dizer por que no fim cabe a cada encontra o significado dela para ele mesmo.

By:Adônis Luiz Rosenstiel Borges Cavalcanti